Nas mãos dEle

Muita coisa tem passado pela minha cabeça desde que constatei “Positivo” no exame para saber se eu estava ou não grávida. A ficha demorou um pouco a cair e, sinceramente, acho que ainda não caiu de verdade, melhorou um pouco depois que fiz a ultrassom e vi meu micro bebê de 1 cm e ouvi o seu ainda mais micro coraçãozinho batendo. Pequeno, mas bem acelerado.

Confesso que o máximo que fiz foi pensar em alguns nomes, mas nada muito sério, não fico viajando em como será a carinha dele, o que vou fazer no quartinho, nada disso. Só uma coisa, ou melhor, 3 coisas têm dominado meu pensamento (como uma boa presbiteriana, 3 é sempre um bom número para dividir o pensamento):

A primeira delas é a preocupação para que o bebê seja perfeito e saudável, essa é a única coisa que tenho pedido a Deus todos os dias, várias vezes.

A segunda coisa é o verdadeiro milagre que é a vida! Isso é o maior clichê, mas acredito que poucas pessoas entendem isso de verdade. Como num efeito de mágica, existe uma pessoa dentro de mim, ainda que bem pequena, já é uma pessoa. E dentro de mim ela permanecerá por um tempo, onde ela vai morar, crescer e se alimentar. Isso seria surreal se não fosse um milagre de Deus, pois pensando friamente isso é muito incrível. Sem contar em todas as mudanças que esse micro bebê já é capaz de provocar no meu corpo.

E a terceira, a que faz pingar uma lágrima do meu olho toda vez que eu penso, é o quanto Deus me ama e ama o meu marido. Olhar como a nossa história começou, como ela foi se desenrolando e como estamos agora é mais uma das infinitas provas de amor de Deus por mim. O meu namoro, na média, não foi legal. A gente ficou muito tempo separado, morando em lugares diferentes, numa relação que me fez sofrer um pouco por conta disso. Não tínhamos um compromisso com Deus, não vivemos juntos uma vida cristã, eu vivia a minha de maneira um pouco infantil e o Diego nem isso. E muito tempo depois, descobri que várias vezes não nos respeitamos. O pedido de casamento foi o dia mais feliz e mais triste da nossa história até ali, já tive outros mais felizes que aquele com o Diego, mas mais triste nunca. Mas aquele dia foi a resposta às orações que eu fazia diariamente há um tempo, pedindo a Deus uma transformação, que Ele mudasse tudo. Muita gente orou comigo e Deus respondeu. Transformou tudo. Coisas que eu nem sabia que precisavam ser mudadas.

O homem transformado há 5 anos, continua sendo transformado diariamente e me surpreendendo e aumentando a minha admiração. E, por Deus, será o pai do meu filho. O líder da família que tenho nos meus sonhos desde sempre. A minha história é a prova de que os planos de Deus não são frustrados, ainda que a gente se esforce para isso algumas vezes.

Deus não desistiu de nós e um dia seremos reconhecidos como família bendita do Senhor.

6 comentários sobre “Nas mãos dEle

  1. Benção!!! Louvado seja Deus pelas maravilhas que fez e faz na vida daqueles que o amam.
    Linda, desejo a você uma gestação tranquila, abençoada e que seu bebê venha trazer ainda mais amor e paz na sua vida e na do Diego.
    Muitos beijos,
    Isa

    Curtir

  2. Nossa, esperava ansiosa por um post com essa maravilhosa notícia, Rafinha!!!! Sabia que, mais cedo ou mais tarde, você contaria aqui e, como eu também já esperava, me emocionei com o que você escreveu… Desejo que o bebê tenha muita saúde e traga muitas alegrias para vocês!!!! É o milagre da vida mesmo!!!! Muitos beijos

    Curtir

  3. Rafa!!!
    Deus é muito bom mesmo, eu sempre acho isso pouco para falar de Deus, acho que porque na verdade o nosso conceito de bom está errado! Estou muito feliz por vocês! Orei muito para esse momento chegar, e continuarei orando para que o filho de vocês tenha muita saúde e que viva para honrar ao nosso Deus!!! Beijos Lise

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s